27ago

Conheça o hissopo, erva medicinal conhecida como planta sagrada

Com propriedades que ajudam contra a tosse e alergias respiratórias, a espécie é ótima opção para sua horta ou jardim

Está pensando em ampliar a sua horta caseira? Se você ainda não ouviu falar, saiba que o hissopo (Hyssopus officinalis) é ótima opção de planta para você cultivar. Famosa por suas citações em livros bíblicos, a espécie ficou conhecida como planta sagrada e pode ser utilizada como erva aromática ou medicinal.

O hissopo é uma planta que pode viver por vários anos, inclusive em solos rochosos, devido a sua alta resistência. Segundo o paisagista Luiz Cardoso, ela costuma ter entre 20 centímetros e um metro de altura, com flores de cor violeta, rosa ou branca.

Suas principais propriedades medicinais são contra a tosse e como antisséptico. “O chá ajuda no tratamento de quem sofre de asma, bronquite, rinite e sinusite por ser naturalmente expectorante, além de ser um poderoso diurético, protegendo assim a saúde do fígado e dos rins”, explica o especialista. Mas caso não esteja acostumado, prepare-se: essa é uma planta de sabor forte e amargo.

Para cultivar a espécie em casa, o importante é saber que ela demanda certo espaço. Por isso, vasos grandes, jardins e hortas são ideais, com espaçamento médio de 40 a 60 centímetros. Além disso, o hissopo precisa de sol pleno por pelo menos quatro horas por dia.

“O plantio pode ser feito a partir de sementes ou de divisões da planta desenvolvida, com ramos que tenham de cinco a dez centímetros”, conta Luiz. Nesse último caso, os ramos devem ser mantidos em vasos com terra bem úmida para que haja o enraizamento, antes de prosseguir com o plantio final – mas sem encharcá-la.

Apesar da necessidade de uma irrigação contínua nos primeiros meses, plantas maiores toleram períodos mais secos e podem ser molhadas com menor frequência, segundo explica o paisagista.

Fonte: Casa Vougue

Fitoterapia

Fitoterapia (do grego therapeia = tratamento e phyton = vegetal) é o estudo das plantas medicinais e suas aplicações na cura das doenças. Ela surgiu independentemente na maioria dos povos. Na China, surgiu por volta de 3000…